segunda-feira, 2 de abril de 2012

Dicas para ir as compras em tempos de crise



1.Compre apenas peças que realmente gosta
A primeira pergunta devia ser ‘Realmente preciso disto?’, mas em geral, pelo menos no caso das mulheres, isto não é a questão! Por isso, mais importante é questionar se realmente gosta da peça. Compre então roupa ou acessórios que realmente têm um valor acrescentado para o seu guarda-roupa, aquelas peças que de facto são originais e não são parecidas com aquilo que já tem.
2.Pondere bem antes de comprar
Evite comprar por impulso ou sem pensar bem sobre como vai usar ou combinar uma peça que quer adquirir. Em muitos dos casos irá ver que acaba por não comprar por não ser tão vantajosa
3.Ir às compras sem comprar
Experimente ir às compras sem a sua carteira, apenas para obter ideias novas! Observe as combinações feitas nos manequins nas montras e dentro das lojas ou do pessoal para se inspirar. Depois veja o que consta no seu guarda-roupa e pense em novas combinações que poderá fazer. Ou convide uma amiga que gosta da moda para olhar com outros olhos para o seu guarda-roupa e as combinações que poderá fazer. De certeza irá ter surpresas agradáveis!
4.Visite Outlets e lojas de desconto
Há cada vez mais outlets e lojas com marcas de grande prestígio para preços mais reduzidos (algumas temporariamente). Mas tenha cuidado, uma peça com um desconto grande de uma marca de alta-costura ainda não quer dizer que a peça é barata! Considere aqui também se a peça é de um grande valor acrescentado para o seu guarda-roupa.
5.Dedique mais tempo para ir às compras
Pode parecer conveniente comprar tudo numa loja só, mas verifique se não pode encontrar uma determinada peça mais barata numa outra loja, pode poupar-lhe dinheiro. Experimente também lojas onde não costuma entrar, pode encontrar peças mais originais.
6.Vá às compras com ideias bem formadas.
De forma a não gastar mais do que pretende, a melhor opção é predefinir o que realmente quer desta estação e fazer uma lista das prioridades. Agora o desafio é não se desviar destas prioridades!
7.Coleções de marca mais acessíveis
Várias marcas estão a antecipar as consequências de um poder de compra reduzido e lançam linhas com preços mais baixos. Uma outra estratégia por qual algumas marcas optaram é o lançamento de uma linha mais barata em parceria com a H&M.
8.Opte por peças originais
Tente não apenas seguir as últimas tendências mas desenvolva o seu próprio estilo. Comprar de forma mais consciente ajuda a criar um guarda-roupa mais pessoal em vez de ter peças que toda a gente tem e que daqui a uns meses já não gosta. Lojas de roupa em 2ª mão, lojas ‘vintage’ ou lojas que apenas vendem on-line são boas opções. Uma festa de ‘troca-roupas’ com as suas amigas é uma outra forma de obter peças novas sem gastar (quase) nada!
9.Modifique as peças que tem
Fazer as suas próprias roupas é algo que está a voltar, e é uma ótima forma de ter peças que mais ninguém tem. Mesmo que seja só mudar os botões de um casaco, cortar uma saia comprida ou colocar uma gola de pelo num casaquinho velho muda completamente uma peça.
10. Cuide bem as suas peças
Respeite as suas peças de forma a durarem mais tempo:- Cuidado com malas que friccionam na roupa- Evite sujar o máximo possível- Deixe a roupa apanhar ar depois do uso, muitas vezes não é preciso lavar depois de cada uso- Leve os fatos o mínimo possível para a limpeza seca, pois a qualidade da peça piora cada vez um pouco mais- Guarde a sua roupa com cuidado, use cabides adequados para os vários tipos de roupa e não esqueça o anti-traça!Ler mais: http://activa.sapo.pt/moda/consultorio/2012/03/29/10-dicas-para-ir-as-compras-em-tempos-de-crise#ixzz1qsA1e67Y
bjinhosssssssssssssssss

8 comentários:

  1. Olá Rita.
    Muito bom este artigo. Muito adaptado as nossas novas realidades. Gosto da opção reciclar e é uma opção que estou a por em prática.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
  2. Rita, boas dicas! É só seguir e poupar! Estou com a Lena, a opção de reciclar é sempre uma boa ideia.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Ótimas dicas!!!
    Eu normalmente olho, gosto, provo e não compro, rs. Se a vontade persistir eu volto buscar.
    E também sempre pondero se tenho roupas para combinar, se eu tiver de comprar outras peças, é bem possível que eu não compre, tbm.
    Beijos e um ótimo começo de semana para vc!

    ResponderEliminar
  4. Oi Rita,
    Tenho até vergonha de confessar: Sou consumista. Compro sem método, sem precisar, não sei se vou usar, nem sempre uso o que compro. Enfim, uma louca!!!
    As dicas são ótimas e eu preciso aprender a seguí-las.
    Beijos 1000 e uma ótima semana para vc.

    www.gosto-disto.com

    ResponderEliminar
  5. Bom dia querida!
    Lindas dicas, bom pensar bem não é?
    Adorei sua visita, volte sempre que puder...beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Ótimas dicas, dou preferência por comprar boas peças clássicas e variar incrementando com acessórios do momento, assim acho que faço compras conscientes.
    Bjos e boa semana.
    Sílvia

    ResponderEliminar
  7. òtimas dicas, querida!!

    Tenho tentado comprar menos...

    Beijo*

    ResponderEliminar
  8. Que blog tão.............vintage!!!!
    Gostei muito e vou seguir :-) espero que gostes do meu também (nopontorebucado.blogspot.com)

    ResponderEliminar